Gravidez Semana a Semana: Sintomas, Formação e Fases (Completo!)

Quando a mulher está grávida, é necessário que ela acompanhe sua gestação durante todas as semanas, pois poderá passar por uma diferente situação durante cada uma delas. No post de hoje vou mostrar os sintomas, a formação e as fases da GRAVIDEZ SEMANA A SEMANA.

Cada semana significa uma fase para o bebê cumprir no processo do seu desenvolvimento, e por isso ao decorrer da gravidez vão aparecendo novos sintomas. Sendo assim, os sintomas sentidos no início da gestação, não serão os mesmo no final desse mesmo processo.
gravidez semana a semana

Gravidez semana-a-semana.

Além da própria atenção e cuidado da grávida, a gestação também deverá ser acompanhada por um especialista.

Gravidez e suas fases
Os médicos costumam dividir a gravidez em três trimestres, o primeiro – inicial, o segundo – meio da gestação – e o terceiro – etapa final da gestação.

Os trimestres são subdivididos pelas semanas, onde em cada uma, ocorre um episódio único no corpo da mulher, devido o desenvolvimento do feto.

PRIMEIRO TRIMESTRE DA GRAVIDEZ – SINTOMAS

  • As três primeiras semanas da gravidez

O início da gravidez é correspondente ao primeiro dia do último ciclo menstrual. Ou seja, se a mulher está grávida há três semanas, por exemplo, significa que o bebê foi concebido há apenas uma semana.

Durante as primeiras três semanas, os sintomas de gravidez não são percebidos. As novas gestantes apenas identificam os sintomas quando ocorre o atraso menstrual.

  • 4ª semana da gravidez

Durante a quarta semana da gravidez, podem ocorrer pequenos sangramentos vaginais, que normalmente são confundidos com uma menstruação que mais fraca que desceu antes da data prevista. Isso ocorre porque o óvulo fecundado se implantou na parede interna do útero.

  • 5ª semana da gravidez

Nesta semana, o atraso menstrual ocorre. A dúvida de uma possível gravidez surge e chega a hora em que um teste de gravidez é necessário. Algumas gestantes passam a sentir desconfortos a partir daí. Vontade frequente de urinar, cansaço e sonolência são sintomas que aparecem na quinta semana.

  • 6ª semana da gravidez

Na sexta semana, as mulheres passam a sentir seus seios além de sensíveis, inchados. O cansaço se torna parte de suas rotinas a partir desta semana.

  • 7ª semana da gravidez

Já no início da sétima semana da gravidez, as mulheres passam a sentir seus batimentos cardíacos mais acelerados. Isso ocorre por causa do crescimento acelerado do feto. Náuseas matinais começam a acontecer. É a partir daí que a mulher passa a sentir seu paladar e seu olfato mais sensíveis.

  • 8ª semana da gravidez

É nessa semana que o pré-natal deverá ser marcado.

  • 9ª semana da gravidez

Nesta semana irão ocorrer variações repentinas no humor da mulher. A oleosidade do cabelo e da pele irá aumentar consideravelmente, cobrando assim que o cabelo seja lavado mais vezes durante a semana. Devido a alta produção de oleosidade da pele, espinhas poderão surgir.

  • 10ª semana da gravidez

É aí que o humor da mulher passa a cada vez sofrer mais variações repentinas. Tremores, fraquezas e tonturas também poderão ser sentidos a cada momento brusco exercido.

  • 11ª semana da gravidez

A quantidade do sangue que circula no corpo da mulher passa a aumentar cada vez mais a partir da décima primeira semana da gestação. Por causa disso, a mulher irá respirar de forma mais agitada e consequentemente, ira transpirar mais.

  • 12ª semana da gravidez

A partir desta semana, devido à ação hormonal, a pele das gestantes passa a ficar mais suave e luminosa. O volume sanguíneo só tende a aumentar a partir da décima segunda semana.

SEGUNDO TRIMESTRE DA GRAVIDEZ – SINTOMAS

  • 13ª semana da gravidez

É aí que inicia o segundo trimestre da gravidez. Na décima terceira semana, o organismo da mulher já se acostumou com a gravidez, e por isso, os sintomas passam a desaparecer.

  • 14ª semana da gravidez

Nesta semana, as mulheres já começam a perceber que sua cintura está de fato mais larga. A barriga começa a criar formato de uma verdadeira barriga de grávida, o que não ainda não havia ocorrido.

  • 15ª semana da gravidez

A pigmentação da pele pode alterar, pela ação hormonal. Alterações que atingem o cabelo e a gengiva também irão ocorrer, por isso é necessário fazer hidratações e redobrar o cuidado com a saúde oral.

  • 16ª semana da gravidez

Aqui, a instabilidade no humor ainda continua. As mudanças no corpo continuam a acontecer, a barriga e as mamas crescem muito a partir desta semana. A transpiração passa a ser mais intensa e constante a partir daqui.

  • 17ª semana da gravidez

Aqui a mulher pode sentir que seus seios estão cada vez mais sensíveis. Poderá notar o inchaço de suas mãos e pés causados pela retenção de líquidos. Nesta semana, muitas mulheres queixam-se de sangramentos nasais.

  • 18ª semana da gravidez

A partir desta semana, a mulher consegue perceber sem muita dificuldade que seu peso está aumentando cada vez mais.

  • 19ª semana da gravidez

É recomendado que a partir desta semana, a mulher passe a fazer exercícios físicos. Nesta semana a mulher poderá perceber o aumento de seu metabolismo. Manchas roxas poderão aparecer pela pele devido à ação hormonal.

  • 20ª semana da gravidez

Durante esta semana, podem surgir algumas sintomas desagradáveis. Entre os sintomas desagradáveis, pode-se salientar a hipertensão. A barriga passa a pesar mais, e por isso dores nas costas passam a ocorrer com tal frequência.

  • 21ª semana da gravidez

A essa altura da gravidez, as mulheres passam a sentir dores de barriga. Além das dores de barriga, algumas podem sentir alguns sintomas como perda de fôlego. A linha da gravidez aparece.

  • 22ª semana da gravidez

A partir desta semana, o apetite da gestante só tende a aumentar. Câimbras irão causar desconforto e dor em suas pernas. Os seios da mulher, a partir daí, começam a produzir uma substância hidratante que irá protegê-los durante a amamentação.

  • 23ª semana da gravidez

A barriga da gestante só tende a crescer mais, mesmo que ela ache que já tenha crescido o bastante. Os problemas no sistema digestivo são mais frequentes aqui. A azia e a indigestão passam a fazer parte da vida da mulher.

  • 24ª semana da gravidez

Nesta etapa, a mulher deve repousar muito. Qualquer atividade cotidiana a deixará muito cansada.

  • 25ª semana da gravidez

Aqui a mulher passa a sentir pressão na região pélvica, além das câimbras nas pernas persistirem.

  • 26ª semana da gravidez

Estrias na barriga, nos seios e nas nádegas podem aparecer. Para evitar que isso ocorra, a mulher deverá usar um hidratante anti-estrias, recomendado pelo seu médico. As dores nas costas passam a ser constantes a partir desta semana.

  • 27ª semana da gravidez

O final do segundo trimestre da gravidez está se aproximando. É possível que a partir desta semana, a mulher não consiga conter sua vontade de urinar e acabe urinando em suas próprias calças, por isso deve utilizar absorventes para prevenir.

TERCEIRO TRIMESTRE DA GRAVIDEZ – SINTOMAS

  • 28ª semana da gravidez

Aqui, sintomas como cólicas, prisão de ventre, faltas de ar e dores nas costas são constantes. A barriga da gestante está cada vez maior.

  • 29ª semana da gravidez

Nesta semana, varizes podem aparecer pelo corpo da gestante.

  • 30ª semana da gravidez

Fadiga, falta de fôlego e constipação são normais de ocorrerem a partir desta semana. Isso é explicado devido o peso do bebê.

  • 31ª semana da gravidez

Aqui, a mulher passa a se sentir desequilibrada e descoordenada.

  • 32ª semana da gravidez

A partir desta semana, a mulher passa a ganhar peso mais rápido se comparar com os trimestres anteriores.

  • 33ª semana da gravidez

A partir daqui, a mulher passa a respirar normalmente. Isso porque o bebê finalmente irá virar de cabeça para baixo. O inchaço em seus membros continua e só tende a aumentar, devido a retenção de líquidos.

  • 34ª semana da gravidez

A barriga passará a crescer muito mais rápido do que cresceu em todas as semanas anteriores.

  • 35ª semana da gravidez

Já nesta semana, a mulher terá a sensação de que sua barriga poderá “arrebentar” a qualquer momento. A sensação de cansaço só aumenta a partir daí, por isso o repouso constante é recomendado.

  • 36ª semana da gravidez

A zona pélvica e as pernas da mulher estarão muito doloridas por causa do peso do bebê.

  • 37ª semana da gravidez

A partir daí, a mulher passa a sentir contrações indolores.

  • 38ª semana da gravidez

Nesta etapa, a mulher passa a caminhar com dificuldade e ir ao banheiro várias vezes por vontade constante de urinar. Isso porque o bebê desceu mais um pouco.

  • 39ª semana da gravidez

O desconforto sentido pela gestante nas semanas anteriores irá aumentar mais ainda nesta semana. A ansiedade e a preocupação aumentam pelo momento do parto estar se aproximando, no entanto, a mulher deve tentar permanecer calma.

  • 40ª semana da gravidez

As falsas contrações irão surgir aqui, e passarão quando a mulher se mexer. A pressão na região abdominal e na região pélvica será insuportável, mas a mulher deve aguentar, pois o momento tão esperado – o nascimento do bebê – está chegando.

Hiperêmese Gravídica: O que é, Causas, Sintomas, Diagnóstico e Tratamentos
Pré Natal: O que é? Quando começar, Consultas e Exames indispensáveis

Deixe uma resposta

Your email address will not be published / Required fields are marked *

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...